APLICAÇÃO DE FRAMEWORK PARA INCENTIVAR A INTERCOOPERAÇÃO EM REDES (…)

APLICAÇÃO DE FRAMEWORK PARA INCENTIVAR A INTERCOOPERAÇÃO EM REDES DE COOPERATIVAS AGROINDUSTRIAIS DA CADEIA DO LEITE

Esta pesquisa alinha-se à necessidade de investigar como redes de cooperativas agroindustriais da cadeia do leite do RS cooperam com vistas à sobrevivência e crescimento das redes e suas cooperativas integrantes. Nessa direção, as contribuições desta pesquisa são de caráter teórico e gerencial e relacionam-se à aplicação de framework, proposto em tese de doutorado do pesquisador, para incentivar a intercooperação em cooperativas agroalimentares atuando em rede horizontal. O framework proposto partiu da premissa que existem fatores restritivos e impulsionadores que impactam de forma negativa ou positiva a intercooperação em redes de cooperativas, dependendo da forma como sua gestão e governança são exercidas, a partir do identificado no referencial teórico do estado da arte sobre o tema. O objetivo geral deste estudo é analisar os resultados da aplicação do framework que incentiva a intercooperação em redes de cooperativas agroindustriais da cadeia do leite. Como objetivos específicos, são previstos: (i) analisar, nas  redes estudadas, a relevância dos fatores restritivos e impulsionadores que influenciam negativa e positivamente a intercooperação, conforme propostos pelo framework aplicado; (ii) definir indicadores de desempenho e métricas para avaliar os resultados dos fatores restritivos e impulsionadores mais relevantes para as redes estudadas; (iii) elaborar plano de ação para facilitar a intercooperação nas redes estudadas, conforme sugerido pelo framework aplicado; (iv) analisar o impacto na sobrevivência e no crescimento das redes estudadas, resultante da aplicação do frameworkproposto, a partir da análise dos indicadores de desempenho definidos; (v) demonstrar graficamente os resultados dos indicadores de desempenho definidos. Para a consecução dos objetivos propostos, esta pesquisa empregará diferentes estratégias metodológicas ao longo de seu desenvolvimento, que incluem o estudo de casos múltiplos e a realização de levantamento empírico de dados. Como uma primeira etapa, está prevista a análise dos fatores restritivos e impulsionadores na dinâmica de gestão e governança das redes pesquisadas que podem influenciar na sua intercooperação. Resultados aplicados e de produção científica estão previstos para as etapas metodológicas do estudo.